Como precificar serviços da clínica veterinária ou pet shop?

Como precificar serviços da clínica veterinária ou pet shop?

Você sabe quanto vale o seu trabalho? Veja dicas importantes para precificar serviços corretamente.

Uma das maiores dificuldades de qualquer pessoa que trabalha com serviços é saber como precificá-los. Isso porque, diferente da venda de um produto, o valor é relacionado diretamente ao desempenho do profissional. Sendo assim,
precificar serviços é um assunto complexo.

Ao mesmo tempo, é fundamental que você domine, uma vez que cobrar o valor correto influencia diretamente na saúde do seu negócio. Afinal, se você cobrar os valores errados não terá o lucro adequado, e a sua empresa pode não prosperar.

Quer aprender como precificar serviços na sua clínica veterinária? Então, venha conosco!

1. Cálculo do custo da hora

Independentemente de quantos funcionários você tem ou de quanto eles recebem, é preciso calcular um único valor/hora. Veja um exemplo, lembrando que todos os valores são fictícios para fácil entendimento:

Imagine que você tenha um funcionário para a recepção que ganha R$ 750,00 e um funcionário para o banho e tosa, que também recebe o mesmo valor. Assim, o total mensal com a folha de pagamento é de R$ 1.500,00. Agora, basta aplicar a seguinte regra:

  • Custo da hora = salário dos funcionários + encargos sociais

 número de funcionários x 160 horas

A soma dos salários dos seus funcionários resultou em R$ 1.500,00, certo? Em seguida, é preciso somar os encargos sociais (INSS, PIS/PASEP e FGTS). Vamos supor que o resultado da soma dos encargos foi R$ 60% dos salários, ou seja, R$ 900,00.

160 corresponde ao número de horas trabalhadas no mês (por cada funcionário). Aplicando a fórmula anterior, temos:

  • Custo da hora = (R$ 1.500,00 + R$ 900,00) ÷ (2 x 160)

Dessa maneira, podemos concluir que com o funcionário trabalhando ou não, a sua clínica veterinária terá o custo de R$ 7,50 por hora.

2. Cálculo da mão de obra

Você precisa descobrir qual é o valor do custo básico da mão de obra da sua clínica veterinária. Para o exemplo, vamos considerar o serviço de banho.

Primeiramente, é necessário avaliar qual é o tempo médio da duração desse serviço, considerando o tempo desde que o funcionário recebe o animal até o momento em que o pet sai da sua empresa.

Conforme o tópico anterior, sabemos que o custo da mão de obra é de R$ 7,50. Agora, precisamos calcular o custo unitário de cada banho. Vamos lá?

  • Custo da mão de obra = custo da hora x tempo de duração do serviço

Vamos supor que o tempo de duração de um banho é de 30 minutos:

  • Custo da mão de obra = R$ 7,50 x 0,30 = R$ 2,25

Vale ressaltar que é preciso somar o custo de materiais utilizados, por exemplo, R$ 1,50 do shampoo, R$ 2,00 do creme e R$ 0,50 dos acessórios. Então, seria R$ 2,25 + R$ 4,00 = R$ 6,25.

3. Custos de materiais

Para saber calcular os custos dos materiais (que utilizamos acima), é preciso fazer uma média para não dar nenhum furo no seu caixa.

Por isso, liste todos os materiais necessários para todos os serviços (desde o shampoo até os perfumes) e faça uma média de valores por animal. Por exemplo, se foi utilizado 1 lacinho para o gato e você comprou um pacote com 100, custando R$ 10,00, significa que cada laço custa R$ 0,10.

Essa conta individual deve ser feita com cada item utilizado nos seus serviços.

4. Cálculo dos custos fixos e variáveis

Os custos fixos são aqueles que não mudam de acordo com a quantidade de serviços vendidos, por exemplo. Ou seja, são aqueles custos que você tem sempre, independentemente se vendeu mais ou menos. Por exemplo: aluguel do espaço, energia elétrica, telefone, água e funcionários.

Já os custos variáveis são aqueles que a produção está relacionada com a quantidade, ou seja, são custos em que há certa instabilidade. Por exemplo: comissão de venda e mão de obra terceirizada.

Por isso, é preciso somar todos os custos, avaliando os meses passados para ter uma média geral.

5. Cálculo de despesas com manutenção

Você precisa observar tudo o que gasta com a manutenção da sua clínica para ter uma média geral. Por exemplo: quanto você gasta com a manutenção das redes de computadores? E com aparelhos utilizados pelos funcionários? Ou com a manutenção da cerca elétrica e câmeras de segurança?

6. Impostos e taxas

Outro detalhe importante é saber quais são os impostos e taxas que você paga. É fundamental confirmar essas informações com o seu contador. Para clínicas veterinárias, normalmente, as tarifas são assim:

  • PIS: 0,65%;
  • ISSQN: 5%;
  • COFINS: 3%;
  • IRPJ: 1,20%;
  • Contribuição Social: 1,08%.

Depois, você soma todos os impostos e sabe que cada serviço vendido tem, por exemplo, 10,93% de impostos e taxas.

6. Margem de lucro

Na margem de lucro, é necessário considerar o quanto você pretende, como o nome sugere, lucrar. Por exemplo: 10%, 15%, 20% e por aí vai!

Nesse cenário, é fundamental fazer uma pesquisa com a concorrência da sua região para manter um valor competitivo e conquistar mais clientes.

7. Markup

A taxa de marcação, ou markup, é o que define o preço da venda do seu serviço. Ela consiste em somar todos os custos unitários dos seus serviços com uma margem de lucro para obter o preço da venda.

Para calcular, utilizamos a seguinte fórmula:

  • 100÷ [100 – (despesas fixas + variáveis + lucro)]

8. Cálculo do preço de venda final

Ao final, você precisa calcular o preço de venda. Por exemplo, imagine que você precisa avaliar o custo unitário do serviço e a taxa de marcação. Assim, é preciso aplicar a seguinte fórmula:

  • Preço de venda = custo unitário do serviço x taxa de marcação

Precificar serviços da clínica veterinária ou pete shop não é uma tarefa simples para quem não domina o assunto. Porém, com as nossas dicas, temos a certeza de que agora você terá uma boa noção de como fazer isso, não é mesmo? Vale ressaltar que, é indicado sempre fazer uma pesquisa de mercado para conferir se os valores cobrados são justos e competitivos.

Agora que você aprendeu a precificar serviços na sua clínica veterinária, que tal aprender como fazer um planejamento financeiro? Boa leitura!

Deixe uma resposta

Fechar Menu