Tudo o que você precisa saber antes de oferecer o serviço de Táxi Dog

Tudo o que você precisa saber antes de oferecer o serviço de Táxi Dog

Ter ou não ter o serviço de Táxi Dog: eis a questão.

Uma das tendências no mercado pet que está ganhando espaço no Brasil é o Táxi Dog: serviço especializado para o transporte de animais para a sua clínica veterinária. Afinal, os bichos de estimação estão recebendo, cada vez mais, tratamentos e cuidados especiais, você concorda?

Sendo assim, o Táxi Dog é uma alternativa para você oferecer na sua clínica veterinária ou pet shop, porque facilita a vida do cliente que não tem carro ou que simplesmente se sente mais confortável em oferecer mais segurança no transporte do seu pet.

Você deve estar se questionando: será que é interessante oferecer esse serviço na minha clínica? Se você também tem essa e outras dúvidas sobre Táxi Dog, continue a leitura!

Entenda o que é Táxi Dog

A maior parte dos táxis comuns não transporta animais. Afinal, é preciso ter diversos cuidados especiais e investir nos materiais adequados para garantir a segurança dos bichinhos e do motorista também.

Além de ir da clínica para casa, as pessoas estão buscando o serviço de Táxi Dog para viajar, deixar os seus animais em hotéis específicos e ainda para levá-los para passear.

Dessa maneira, o Táxi Dog é uma alternativa que agrega mais valor para o seu negócio e pode transportar diversos tipos de animais (desde que devidamente registrados nos órgãos governamentais específicos), tais como:

  • cachorros;
  • felinos;
  • suínos;
  • aves;
  • tartarugas;
  • coelhos, chinchilas e ratos.

Veja quais são as vantagens e as desvantagens do Táxi Dog

Vantagens do Táxi Dog
  • Fidelizar clientes;
  • Demonstra que a sua clínica está sempre inovando;
  • Mostra que você se preocupa com a segurança e bem-estar no transporte de animais;
  • Conquistar a confiança do consumidor;
  • Facilita a rotina da clínica;
  • Mais vendas de serviços para a sua clínica;
  • Reforça o relacionamento com o cliente.
Desvantagens do Táxi Dog

As desvantagens do Táxi Dog são muito relativas. De maneira geral, é preciso encontrar um motorista que tenha muita paciência e goste muito de animais. Isso porque pode acontecer do animal fazer fezes ou urinar dentro do carro, então, o motorista precisa estar preparado para esse tipo de situação e não se importar com isso — já pensou o motorista começar a xingar o bichinho ou perder a paciência? Não dá, né?

Além disso, se o animal estiver muito agitado com o passeio ou nervoso, é preciso passear com ele a pé até que ele se acalme um pouco. Assim, evita que ele passe mal durante a viagem.

Também é necessário que o motorista saiba as principais técnicas de direção defensiva para não realizar paradas bruscas ou curva em alta velocidade para não assustar o animal e causar acidentes.

Outro ponto a ser considerado: normalmente, nas clínicas veterinárias há um pet shop para venda de produtos (o que gera uma receita considerável ao final do mês). Assim, se o dono do animal não vai até à loja para buscá-lo, muitas vezes, não toma conhecimento sobre as novidades e não investe em novos acessórios.

Nesse caso, é preciso encontrar alternativas de divulgação para que os donos dos animais conheçam e invistam nos produtos, como: loja on-line, campanhas de WhatsApp e anúncios em redes sociais.

Confira o que avaliar na compra do veículo

A compra do veículo ideal também precisa ser avaliada com cautela. O carro precisa ter uma boa climatização, travas elétricas para a abertura das portas e vidros e deve ter também suporte para ser instalada uma grade de segurança para impedir que o animal tenha contato direto com o motorista (Ah! O motorista precisa tomar a vacina antirrábica).

Outro detalhe importante é que o carro precisa ser dedetizado depois de cada transporte, para evitar que haja a contaminação com doenças infectocontagiosas. Então, o motorista precisa ser bem cuidadoso com essa questão, afinal, a sua saúde e a dos bichinhos é que está em jogo.

O carro precisa ser espaçoso para garantir o conforto e a segurança do motorista e do animal. Também é necessário ter espaço para acompanhante, porque talvez o dono do pet tenha interesse em ir junto. Veja alguns exemplos de carros que atendem bem a essa finalidade:

  • Peugeot Boxer Furgão;
  • Peugeot 207 SW;
  • Renault Sandero;
  • Fiat Palio Weekend;
  • Fiat Doblo.

Aprenda a fazer todos os cálculos necessários

Antes de investir no Táxi Dog para o seu negócio é fundamental colocar no papel todos os gastos para conferir se é a melhor alternativa. Primeiramente, responda as seguintes perguntas:

  • O Táxi Dog é uma necessidade do meu público?
  • Estou perdendo serviço em virtude do transporte dos animais?
  • A gestão financeira da minha empresa está saudável?
  • Tenho o valor do investimento?
  • Conheço um motorista responsável que possa ajudar?
  • Vou contratar um funcionário ou vou terceirizar o serviço?
  • Quais são os custos da contratação do funcionário?
  • Quais são os custos para terceirizar o serviço?
  • Qual será o retorno sobre o investimento (ROI)?
  • Qual será o valor do serviço oferecido?
  • Quantas viagens o Táxi Dog terá que fazer para dar lucros?

Depois disso, basta colocar na ponta do lápis todos os custos que você terá, sabendo quanto poderá cobrar pelo serviço. Na sequência, basta avaliar se ele dará um retorno para o negócio ou se trará prejuízos.

Nesse cenário, o mais importante é não tomar nenhuma decisão baseada no “achismo” ou somente nas tendências do mercado pet. Para qualquer estratégia inteligente, é preciso avaliar a realidade da sua empresa e do seu público.

Portanto, se você acha que é uma boa ideia investir no Táxi Dog, mas não tem tanta certeza, aplique uma pesquisa de satisfação com os seus clientes. Pergunte para eles o que eles acham do serviço e se estariam dispostos a pagar o valor X para o transporte seguro.

Neste post, você aprendeu tudo sobre o universo do Táxi Dog, uma alternativa para investir e conquistar mais clientes para a sua clínica veterinária ou pet shop. O que você achou dessa estratégia? Você gostou do nosso conteúdo?

Então, temos a certeza de que vai gostar também de aprender mais sobre como fazer um planejamento financeiro para a sua clínica veterinária. Boa leitura e até o próximo post!

Deixe uma resposta

Fechar Menu